01 maio 2017

Resenha - Mosquitolândia

Título: Mosquitolândia
Título original: Mosquitoland
Autor (a): David Arnold
Editora: Intrínseca
Sinopse: “Meu nome é Mary Iris Malone, e eu não estou nada bem.” Após o inesperado divórcio dos pais, Mim Malone é arrastada de sua casa em Ohio para o árido Missis - sippi, onde passa a morar com o pai e a madrasta e a ser medicada contra a própria vontade. Porém, antes mesmo de a poeira da mudança baixar, ela descobre que a mãe está doente. Mim foge de sua nova vida e embarca em um ônibus com destino a seu verdadeiro lugar, o lar de sua mãe, e acaba encontrando alguns companheiros de viagem muito interessantes pelo caminho. Quando a jornada de mais de mil quilômetros toma rumos inesperados, ela precisa confrontar os próprios demô- nios e redefinir seus conceitos de amor, lealdade e sanidade. Com uma narrativa caleidoscópica e inesquecível, Mosquitolândia é uma odisseia contemporânea, uma história sobre as dificuldades do dia a dia e o que fazemos para enfrentá-las.

Eu ganhei esse livro de sorteio no Skoob (coisa rara, eu sei) há muito tempo atrás e somente agora pude ter a oportunidade de lê-lo. Depois de muito tempo sem ler um Young Adult (posso classificar ele assim?), me peguei cativada pela história, por Mary Iris Malone e por Walt e Beck.

A história é sobre Mim fugindo da escola após uma advertência do diretor e indo ao encontro de sua mãe que está em outra cidade, Cleveland. Ela furta o dinheiro de sua madrasta, junta algumas camisas e comida na sua mochila e parte para a sua aventura, sozinha e ansiosa para reencontrar a mãe que não envia cartas há três semanas. Após encontrar, na caixa de Halls que estava com o dinheiro, uma carta de sua mãe pedindo ajuda à sua madrasta, Mim liga os pontos e acredita que foi afastada de propósito de sua progenitora e agora, mais do que nunca, com a ideia de sua mãe estar doente também, a menina precisa chegar até ela.

A história me surpreendeu por não se tratar de algo superficial ou mais do mesmo que eu pensei encontrar nesse livro. Mim não se sente nada bem em Mosquitolândia, mais conhecida por Mississipi, a cidade onde mora, por conta do afastamento de sua mãe, o recente casamento de seu pai, e o próprio comportamento dele para com ela. Nada fica muito claro por meio da voz de Mim, mas aos poucos compreendemos que ela, assim como sua mãe, tem problemas que necessitam de uma dose de medicamento, recomendada por um médico de confiança de seu pai. Ela escreve cartas para uma Isabel, contando os motivos dessa repentina e louca viagem para encontrar sua mãe e vamos compreendemos quem é  Mim e o que faz dela ser quem é aos poucos.
De personalidade intrigante e única, a nossa protagonista cativa do começo ao fim. Com o surgimento de outros personagens, como Walt, um garoto com síndrome de Down que a ajuda em uma de suas paradas em sua road trip e Beck, o garoto da poltrona 17C do ônibus que Mim estava, a história fica ainda mais intrigante.

Narrando sobre dramas familiares, comportamento, abuso e a até morte, David Arnold, por meio da voz de Mary Iris Malone, nos traz uma obra singular e nada boba. Uma leitura fácil, não tão rápida (o livro contém um pouco mais de 300 páginas), a road trip de Mim fica na memória dos leitores por sua personalidade instigante, sua história, suas lições de vida e seu final otimista.

9 comentários:

  1. A história mostrando um bela atitude sei que olhando a capa não imaginava uma grande história por trás, amei a história e cativa bem o leitor.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Jen. Tudo bem?
    Ainda não tive a oportunidade de ler Mosquitolândia, mas quero bastante. Afinal, todas as resenhas que li até hoje, me passam uma ideia positiva sobre a obra. Adoro livros que possuem personagens intrigantes e com formas de ser e agir únicas. Ou seja, conhecer Mim. Ah, como sou bem sentimental, certamente vou ficar torcendo para que ela chega a tempo de ver a mãe, e se for possível que a mesma se cure.

    Até mais. https://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa, nunca tinha ouvido falar sobre esse livro, mas achei a ideia da história bem interessante. Eu gosto de ler livros que nos fazem "questionar" sobre coisas, atitudes e ambientes de nosso cotidiano :)

    www.vivendosentimentos.com.br
    CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO SORTEIO do livro O Verão Em Que Salvei O Mundo Em 65 Dias

    ResponderExcluir
  4. Achei um milagre ter conseguido um livro no sorteio do Skoob, hein? Que sortuda você! Ainda mais pelo livro ter uma história tão legal e cheia de lições pra dar. Já o adorei pela sua resenha, quero ler também!

    Com amor,
    Steph • Não é Berlim

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Tô com esse livro no kindle pra ler faz um tempo, mas ainda não tive oportunidade. Confesso que sua resenha me deixou com vontade de ler logo, não tinha encontrado muitas pessoas que leram e sua opinião me deixou animada :) vamos ver se conseguirei logo.
    PS: amei que você ganhou um sorteio do skoob, já até desisti haha
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Oie Jen =)

    Esse é um daqueles livros que hora me deixam curiosa horas não me deixam tão curiosa assim rs...

    A premissa dele me chama bastante curiosa e até hoje não lembro de ter lido uma resenha negativa dele.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  7. Eu tô apaixonada pela capa do livro e ainda mais pela resenha. Fiquei com uma imensa vontade de ler :D

    ResponderExcluir
  8. Menina, que história. Eu adoraria lê-lo, apesar de estar dando um tempo dos livros nessa temática, porque mexem demais comigo e Por Lugares Incríveis me devastou.
    Espero ter a oportunidade de adquirir ele.

    Beijos
    www.jadeamorim.com.br

    ResponderExcluir
  9. Amo livros YA que tratam de vários temas importantes, e este parece ser um ótimo exemplo desse tipo de livro. Também amo histórias com viagens, então já sabe. Esto de olho nesse há um tempo e espero poder lê-lo logo.
    Abraços :*

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo