12 julho 2014

Stop o Repeat


É tempo de mudança. Mudança séria. Brusca. Nada de resgatar o passado, de guardar papéis velhos com pensamentos antigos. É hora de jogar no lixo aquilo que não faz parte do presente. Se o passado moldou o presente, não importa. São tempos de renovação. De empacotar suas coisas para depois desempacotá-las e descobrir se valem à pena estarem ali, junto com seus novos sonhos. É hora de renovar o guarda-roupa e a alma, tudo junto. Renovar a playlist do celular e os pensamentos também. Não importa como, só quando. E é exatamente hoje, agora, nesse exato minuto. O que te renova não é o material, mas ele faz parte de tudo isso. Então vamos, levante da cama e jogue fora os diários amargurados e cheios de lágrimas contidas. Compre um novo e escreva o que está te fazendo bem. Exclua as fotos das lembranças desnecessárias e as músicas melancólicas de fases da vida que você pretende esquecer. É hora de cultivar novos hábitos. Comprar novos utensílios. Ter um novo endereço nas cartas. Conhecer novas pessoas. Esquecer daquelas que não valeram à pena ter conhecido. Mude a programação da TV. É hora de assistir um novo filme e parar com o repeat na vida. É hora de conhecer um novo artista, um novo lugar, se aventurar numa nova cidade, descobrir novas paisagens; por que já basta do mesmo cenário que vemos todos os dias. E se te disserem que tudo isso é cansativo, é passageiro, esqueça. Mudanças podem ser passageiras, mas o que elas trazem consigo não. Experimente uma nova cor na tintura do cabelo, nas unhas, nas roupas. Um novo aroma de perfume. Um novo livro. Uma nova estória para se apaixonar. Uma nova pessoa para amar. Uma nova comida para experimentar. Tente tentar. É sempre bom quando a ação parte de nós mesmos. Parta para um caminho diferente se esse que está trilhando não parece o certo ou te incomoda. Aliás, jogue fora tudo o que te incomoda. Inclusive seus próprios defeitos e sentirá seu corpo leve. Aprenda um novo idioma e conheça uma nova cultura. Se descubra nas mudanças. Tire o lençol da cabeça para admirar o sol que entra pela janela e aproveite o dia que está ali. Não adianta reclamar, espernear, tomar desculpas para não tentar viver algo bom. Tire o monstro do armário e o enfrente. Saia do estado da inércia. Apenas. Mude. Algo.

9 comentários:

  1. Amei o texto. Minha vontade é de mudar nesse segundo semestre; quem disse que precisa trocar de ano pra gente mudar de atitude? A cada dia, quero construir uma nova história, me libertar do que me marca e o que me condena. Ou melhor, que me marcou e me condenou. Tudo no passado, se Deus quiser. Confiar Nele e na Sua Misericórdia, e no poder de começar de novo, me descobrir de novo.

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto e disse muito sobre o momento que estou passando..
    Digo em relação a uma renovação da mente em Deus!!
    Saudades estava de vir aqui....

    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
  3. Gente, acho que todo mundo está um pouco mergulhado nessa vibe da mudança. Já é o segundo post sobre o assunto que encontro hoje. Acho que é a pressão do meio do ano, mas é uma coisa boa. Já tive minha fase de querer que tudo mudasse rápido, já tive a fase de fugir das mudanças e ficar encolhida no canto. Mas entendo quando você diz para tirar o monstro do armário. Acho que preciso disso. Obrigada por este post.

    ResponderExcluir
  4. Mudar é necessário, maravilhoso quando damos o pontapé inicial, quando a vontade surge. E, mesmo com as dificuldades, não podemos desistir. Estou recomeçando algumas coisas em minha vida. De início, parar de roer unha. Estabeleci enquanto meta. Não costumo gostar de metas, mas acho que isso me fará um bem danado, já que nunca tentei antes.
    Mudar é vital, essencial.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Mudanças realmente faz parte da vida. É preciso viver intensamente cada acontecimento, para saber o gostinho de cada mudança.

    Tem texto lá no meu blog sobre mudanças também feito por uma das colaboradoras: http://myself-here1.blogspot.com.br/2014/07/mudancas.html

    ResponderExcluir
  6. Que texto incrível! Realmente, sempre faço umas mudanças assim. Selar a caixa de recordações e começar uma nova é essencial. Mudar cor, sabor, tom e sensação é o primeiro passo para ser cada dia mais feliz!

    Beijos, Carol
    Aquela Princesa - www.putmerd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. É hora de mudar!!!!!
    Arigatou pela inspiração que eu estava precisando (:

    ResponderExcluir
  8. Tô nessa fase de mudança também!! Jogando fora tudo que me prende a um passado que não me edifica e seguindo em frente, sempre! ♥

    Strawberry Fields

    ResponderExcluir
  9. Mudanças fazem bem! São o grande segredo para quando queremos nos sentir diferentes, fazer a diferença é tudo e apenas nos faz sentir melhor. Adorei o poste!

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo