26 julho 2014

Resenha - O Lado Mais Sombrio

Nome: O Lado Mais Sombrio
Original: Splintered
Autor(a): A. R. Howard
Editora: Novo Conceito
Sinopse: Alyssa Gardner ouve os pensamentos das plantas e animais. Por enquanto ela consegue esconder as alucinações, mas já conhece o seu destino: terminará num sanatório como sua mãe. A insanidade faz parte da família desde que a sua tataravó, Alice Liddell, falava a Lewis Carroll sobre os seus estranhos sonhos, inspirando-o a escrever o clássico Alice no País das Maravilhas. Mas talvez ela não seja louca. E talvez as histórias de Carroll não sejam tão fantasiosas quanto possam parecer. Para quebrar a maldição da loucura na família, Alyssa precisa entrar na toca do coelho e consertar alguns erros cometidos no País das Maravilhas, um lugar repleto de seres estranhos com intenções não reveladas. Alyssa leva consigo o seu amigo da vida real – o superprotetor Jeb –, mas, assim que a jornada começa, ela se vê dividida entre a sensatez deste e a magia perigosa e encantadora de Morfeu, o seu guia no País das Maravilhas. Ninguém é o que parece no País das Maravilhas. Nem mesmo Alyssa...

Este livro foi um dos mais esperados por nós, leitores assíduos e amantes das fantasias envoltas por Alice no País das Maravilhas de Carrol. A autora nos traz uma grande homenagem ao autor, com sua nova estória e recontagem desse mundo tão psicodélico e diferente de Lewis. Essa estória é realmente muito bem narrada e escrita, tornou-se uma das leituras mais marcantes do ano e acredito que irá marcar também todos que a lerem.
 
Alyssa Gardner é descendente da Alice Liddel, a famosa Alice de Lewis, e vive conturbada com a maldição que as mulheres da sua família carregam por conta de sua descendência: Alyssa pode ouvir o que os insetos falam. Sua mãe também carrega tal maldição, estando agora internada num hospício, sendo dopada por ter crises de surto, por apenas comer em xícaras, por falar 'sozinha', mas principalmente por ter colocado a vida de sua própria filha em risco.
A garota não suporta as provocações que lhe fazem por sua descendência e tenta ao máximo disfarçar as semelhanças que tem com sua mãe; seja pela maquiagem, seja pelos hobbies que tem. Mas parece que seu destino já está escrito, e por alguém que Alyssa desconhece completamente, e ao responder ao chamado dele, ela entra em uma aventura que já leu antes, porém, totalmente diferente do que imaginou que seria.
 
Alyssa tem em Jeb seu melhor amigo, desde a infância. Esconde seu amor por ele desde sempre, ainda mais agora que ele está namorando a garota insuportável que é Taelor, colega de escola que sempre deseja importunar Alyssa. Agora Jeb entrou na mesma toca do coelho de Alyssa ao ir atrás dela após uma discussão na casa da menina; e os dois irão descobrir que o País das Maravilhas não é tão maravilhoso assim, tendo grandes perigos à enfrentar, juntos eles irão deparar-se com mistérios e acontecimentos surreais que nunca irão esquecer.
 
Não irei me estender mais pela estória em si do livro, pois é bem longa de ser explicada e não teria graça eu contar todos os detalhes importantes dele em uma resenha quando vocês, leitores, podem ler todos eles neste livro tão surpreendente. Com uma escrita muito bem feita, Howard nos leva à uma estória que mescla o País das Maravilhas de Carrol com o de Tim Burton. As criaturas são diferentes, os cenários também e as estória envolvendo os habitantes do País demonstram-se maravilhosamente diferentes das que já vimos ou lemos. Maravilhosamente pois toda a estória com Alyssa, Jeb e Morfeu (O misterioso rapaz que conduz Alyssa à quebra da maldição em sua família) é surpreendente do começo ao fim, não dando-nos oportunidade em parar a leitura, pois somos instigados à ler mais e mais até o fim.
 
Alyssa é uma heroína diferente e ao ser confrontada por um triângulo amoroso entre ela, Jeb e Morfeu, a garota se vê mais confusa ainda, mas focada naquilo que é mais importante para si e para sua família: quebrar a maldição e tirar Jeb dali. Os personagens são todos interessantes, mas principalmente Morfeu. A lagarta tão misteriosa, enigmática e parece saber de tudo, e que adiante torna-se a mariposa tão sedutora, é um personagem mais do que instigante na estória, ele guarda os segredos mais sombrios de Alyssa e do que ela está fazendo ali.
 
Por fim, o final da estória não poderia ser mais surpreendente. A leitura não se arrastou por dias apenas pela minha ansiedade em querer ler mais e mais, mas é uma leitura que merece ser desfrutada e apreciada por um longo tempo. Apenas senti falta de ilustrações que poderiam facilitar o entendimento das descrições de alguns seres, mas é detalhe. A estória é muito bem escrita e muito bem imaginada. É uma grande e linda homenagem à Lewis, que acredito, ficaria orgulhosa com essa obra. Recomendo e muito à todos.

5 comentários:

  1. Oi :)

    Eu gosto muito de Alice, acho o mundo criado por Lewis fantástico. Esse livro me interessa e está em minha lista de desejados. Ilustrações seriam realmente legais, concordo com você. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Desde a primeira resenha que li desse livro, fiquei com muita vontade de lê-lo.
    Adorei a sua resenha, fantástica!
    Beijos
    Tão doce e tão amarga.

    ResponderExcluir
  3. Oi! Antes mesmo deste livro ter sido lançado eu já estava de olho nele. Mas, adivinha? Aqui estou eu enrolando até hoje! Nunca tive realmente uma oportunidade de LER o livro de Alice, por Lewis. Então, achei que esse livro pudesse ser uma ótima oportunidade para eu sair do mundo criado pelo filme e mergulhar nas palavras. E a capa é linda, né? Já viu a capa do próximo? São lindas e passam um ar de, não só mistério mas também, fantasia.
    Ah, mais uma coisa: não sou muito fã de triângulos amorosos, principalmente daqueles chatos e que me fazem ficar brava com a mocinha! Você achou o triângulo amoroso um problema para a história?

    Beijos
    @bitinhateles
    http://tempestade-de-estrelas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa, acho que não tinha pensado nisso: ilustrações nesse livro seriam algo LINDO!

    ResponderExcluir
  5. Gente! Esse livro parece fantástico!

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo