11 fevereiro 2014

Resenha - A Disciplina do Amor.

Nome: A Disciplina do Amor.
Autora: Lygia Fagundes Telles.
Editora: Companhia das Letras.
Sinopse: Os textos curtos deste livro foram apresentados pela autora como fragmentos. Carlos Drummond de Andrade preferiu chamá-los de miniaturas. De fato, uma de suas marcas principais é a dedicada atenção ao detalhe mínimo_ seja do cotidiano, seja do devaneio, da vida em sociedade ou da vida da imaginação.


                     
      Não há como deixar essa resenha imparcial. Lygia Fagundes Telles é simplesmente minha autora favorita, amo sua escrita elegante e contemplativa, portanto, esse meu texto não está isento de sentimentalidades. Bom, como começarei... Ah, esse foi o primeiro livro dela que li e a partir dele fui me interessando cada vez mais pelo mundo da literatura, tanto que foi um dos fatores determinantes a me fazer optar por Letras, meu curso do coração. 
   
    A Disciplina do Amor é um livro singular, muito diferente de qualquer outro escrito até então, pois os textos que encontramos nele, independentes da classificação quanto aos gêneros (crônicas, memórias etc...), unem-se por uma delicada linha de afeto e recordações. A pergunta é se de fato os textos que aparentemente são memórias poderiam, na verdade, ser pura ficção, literatura. Seria uma personagem ou a própria Lygia Fagundes Telles? Quem ler pode tirar suas próprias conclusões, tenho as minhas, mas não vou contar! 

   Conversando com um amigo comecei a perceber que A Disciplina do Amor é um livro que mais parece ter saído de um Blog, tamanha a variedade de temas e a sua característica confessional, suas frases. Parece-me um diário, compreendem? É lindo, lindo! No livro nos deparamos com texto por vezes tristes e alegres, frases de personalidades significantes, um retrato do ser humano, não há como não se identificar em ao menos um dos textos, ou como chamaria Drummond, miniaturas. De gatos a poetas a eventos cotidianos de uma atmosfera puramente interna e devaneios à crítica sutil ao homem, faz desse livro um prato cheio para quem gosta de ler e conhecer os expoentes da nossa literatura. 

  Lygia Fagundes Telles consegue capturar momentos micro e fazer deles um macro de pura delicadeza e beleza. Fantástica. A autora afirmou que esse é seu melhor livro, o seu predileto. Eu com toda certeza o indico, não só para blogueiros e afins, mas para todos que escrevem ou gostam de ler uma boa história. Ah, eu o amo por diversas razões! 

Abraços do Nato!

PS:. Os livros da Lygia Fagundes Telles são facilmente encontrados, pois foram relançados em uma coleção pela companhia das letras, com capas belíssimas. É material de primeira qualidade.  

17 comentários:

  1. Oii
    Acho que nunca li nada da autora, mas gostei do estilo que você descreveu. Gosto de livros assim, que conseguem fazer uma grande história a partir de fatos corriqueiros.

    Beijos,
    http://pitadadecultura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Renato,

    Sabe-se que meu interesse pela autora Lygia Fagundes Telles, surgiu a partir de conversas que tive com você. Sua admiração e comentários atiçaram minha curiosidade para conhecer a obra desta escritora que tanto lhe encanta e inspira.
    Recentemente estou lendo, até que enfim, o livro "As Horas Nuas" da Lygia. Estou encantado de fato.
    Falando um pouco sobre o livro resenhado, achei algo muito incrível, de fato muito interessante.

    Linda resenha,

    Abraços,

    Jônatas Amaral
    alma-critica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu nunca li nada da autora e não conhecia esse livro ;x Não sou muito fã de ler livros com textos muito diversificados, mas tenho de admitir que alguns são fantásticos, conseguem nos tocar como poucos.
    Fiquei curiosa para conhecer o trabalho da autora, se tiver oportunidade lerei.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Ai jesuis, já coloquei esse na minha lista, vai pular todas as filas de leitura possíveis e imagináveis assim que eu voltar de férias pra livraria!

    ResponderExcluir
  5. Eu nunca li nada da autora, mas depois de um depoimento tão bonito, é impossível não querer sair daqui agora e pegar o livro para ler.

    Bjs
    sobremimemeumundo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Também ainda não li nada da autora, apesar da quantidade de frases dela que rolam pelas redes sociais.
    Preciso ler sim, já acho obrigatório e esse vai pra lista!

    Adorei sua opinião!

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  7. Oie Nato =)

    É tão bom quando um livro consegue realmente nos envolver ao ponto, que se torna impossível fazer uma resenha imparcial dele. Não li nada da autora ainda, mas embora não goste muito de livros com texto diversificados, sua resenha me convenceu a dar uma chance.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  8. Me apaixonei por esse livro só de ler essa resenha, com certeza vou colocá-lo na lista de livros que quero ler.

    Thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia, mas pela sua resenha é bem o estilo que gosto de ler.
    Achei o título muito legal, adoro textos diversificados.
    PROMOÇÃO - 2 Anos de Vitamina de Pimenta.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia a autora, mas amo esse tipo de livro com textos curtos :D
    Vou procurar conhecer melhor o trabalho dessa autora que você tanto adora.

    Beijo
    Mariana | Sem querer me intrometer

    ResponderExcluir
  11. Bem, eu realmente acho que o livro parece ser bem bacana, curto mesmo obras deste tipo! São bem legais <3.
    Vou anotar a dica!

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oie Jenny
    Não conhecia a autora, nem a obra, mas fiquei muito encantada com o que li na resenha.
    Gosto de livros que mais parecem um diário de tão íntimos.
    Bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Nato, tudo bem?
    Fiquei curiosa quanto aos textos. Não conheço a autora, mas sua paixão pela escrita dela despertou a minha curiosidade. A dica está anotada com certeza.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
  14. Não conheço a escrita da autora, mas fiquei com muita vontade de conhecer.

    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  15. Para ser sincero ao ler a sinopse do mesmo uma vez que fui a livraria não me senti envolvido ou com vontade de ler, mas sua resenha me fez sentir que o livro no minimo é bom. Quero dar a oportunidade. Até mais.
    http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Nato!
    Não conhecia a autora e nem muito menos a obra. No entanto, confesso que fiquei muito interessado mesmo. Parece ser um ótimo livro.
    A maneira como você comentou sobre a obra deixou-me completamente curioso. Espero ler o mais breve possível e amá-lo assim como você.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  17. Adorei a resenha!
    Não conhecia este livro mas depois destas descrições, estou apaixonada!
    Já quero ler logo!
    Beijos
    Quarta Estação

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo