23 fevereiro 2014

20



Aos 20 não dá pra viver de nostalgia.
Aos 20 eu não sou o que pensei que seria aos 15, sou diferente, mas isso é algo bom.
Aos 20 não tenho mais tantos sonhos, nem tantos planos e isso também é algo bom.
Ainda me sinto a velhinha dos 18, também permaneço a dramática dos 15 e a neurótica dos 17. A vida não mudou muito. Mentira! Ela mudou sim, não sei se pra melhor, mas mudou. 
A universidade parecia distante há algum tempo atrás e um ano já se passou. O futuro parecia não me oferecer grandes oportunidades ou novos caminhos e cá estou, prestes a concluir um técnico e estável numa graduação. 
A paixão estava com seu fogo quase apagando e eis que alguém a coloca novamente em brasa. As amizades me deram a ilusão de ficarem para trás, mas ninguém precisa de 10 amigos quando um ou dois já basta. 
O que ficou pra trás, agora realmente ficou. Pra trás. Distante. 
O passado faz parte da minha história, mas o presente faz mais ainda. 
Infelizmente pareço ser um tanto masoquista por acabar pensando no tal passado próximo, e termino por me entristecer com os dias ruins que tive e todas aquelas sensações estranhas e desconcertantes que passei. É um tanto idiotia, sim. Os dias atuais parecem cansativos com a rotina desgastante, mas são dias bons, com pessoas importantes e únicas ao meu lado, pessoais às quais eu sei que posso contar, que posso compartilhar momentos, sentimentos e ser retribuída da mesma forma. São grandes dias singelos que fazem tudo ficar mais bonito e não posso estragar tudo isso remoendo o que já passou. Como disse antes, não dá pra viver de nostalgia; seja ela boa ou ruim.
Só sei que sorrio toda vez que paro pra pensar no que estou vivendo (pensar no presente é melhor do que pensar no passado e tá, eu não deveria estar pensando apenas vivendo, mas é inevitável, eu sempre paro pra pensar em alguma coisa, entendam) por que, rodeada de livros, pessoas importantes e oportunidades boas, quem não poderia estar feliz?! A gente esquece um pouco os pequenos e grandes problemas por isso. 
No momento estou colocando Ribs da cantora Lorde no meu Media Player e curtindo a inspiração divina de dias bons. Não paro de reclamar, de esbravejar, de me estressar por coisas pequenas, mas percebi que não dá pra mudar muito isso. Não se preocupem, no final eu sempre estarei com um sorriso no rosto lembrando do que é verdadeiramente bom pra mim.
Aos 20 tenho mais do que pensei ter, descobri o que realmente importa.


"This dream isn't feeling sweet
We're reeling through the midnight streets
And I've never felt more alone
It feels so scary, getting old"

"Esse sonho não é uma sensação boa
Estamos cambaleando pelas ruas da meia-noite
E nunca me senti tão sozinha
É tão amedrontador envelhecer"

Ribs - Lorde

28 comentários:

  1. Adorei o texto, muitas partes me identifiquei, essa com toda certeza: O que ficou pra trás, agora realmente ficou. Pra trás. Distante.
    O passado faz parte da minha história, mas o presente faz mais ainda.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto!
    Aos 15 a gente imagina tanta coisa, mas aos 20 temos que fazer grandes escolhas e deixar alguns sonhos pra lá. Mas acho que, independentemente da idade, sempre é tempo de sermos o que melhor que podemos ser.

    Beijos,
    Leitora Online

    ResponderExcluir
  3. Quando se tem 18 anos, a responsabilidade já começa.
    Mas quando se completa 20, o mundo se abre e você tem que ir seguindo junto com ele.
    Faculdade, morar sozinha, ter ainda mais responsabilidade, pois o seu futuro começa mais ou menos nessa idade.
    Ter que focar em algo e não perder tempo é crucial. O tempo não para pra gente refletir sobre a vida e o que se quer fazer. Você tem que seguir o curso pesado do tempo e ir levando como dá, pra no final vir todo o trabalho que se teve no percurso.
    Adorei o que postou. :)
    Caixinha de Correios #38.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Jeni, Jeni, Jeni!
    Toda vez que faço aniversário fico pensando sobre tudo isso que você citou. É interessante como a vida da gente vai se transformando, como as pessoas (que a gente jurava que nunca iriam se afastar) se vão, como nosso círculo de amizades muda... É um constante desenvolvimento...

    Mas saiba que toda mudança é boa! Espero que essa vibe boa permaneça em você por muito tempo!

    Beijinhos, boa semana!
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei. Eu estava pensando esses dias no que significa crescer e por mais que eu não esteja nos 20 ainda, o seu texto refletiu um pouco dos meus pensamentos de quase 18.

    ResponderExcluir
  6. Eu nem gosto muito de pensar no tempo e na minha idade, acho que ficaria meio neurótica se fosse pensar de mais nisso. É que por mais velha que eu seja a impressão é que comecei a viver o lado bom da vida só agora xD Mas ao mesmo tempo bate aquela conscientização de que o tempo é curto e que a idade sempre passa ... mas eu adorei o texto flor!!

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Super poderoso o teu texto amiga jennifer!! Super adorei ler esta tua cronica!! Desejo que o teu mês de fevereiro termine da melhor forma possivel. Muitos beijinhos,fica com deus e até breve!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  8. Eu amo muito você - você sabe disso -, e, também, amo seu jeito de escrever. Não preciso comentar que o texto está lindo, porque você sabe disso. Mas preciso comentar o quanto estou feliz por ter conhecido você e se tornado seu amigo - e também o quanto fico feliz em ver que a felicidade, na sua vida, se tornou uma rotina. E é assim que continua para pessoas que nasceram com o dom para a felicidade: cada vez melhor, cada vez melhor. E eu faço votos pra que seja sempre assim com você.
    Parabéns, vintezenta. <3


    Achou O Quê?:
    http://achouoque.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Muito bom seu texto, me identifiquei bastante. Estou fazendo 20 anos em maio e já estou entrando nesse clima de nostalgia e reflexões... sei que vou escrever muitos textos bem parecidos com esses seus, fazendo um balanço de tudo o que eu trouxe até aqui, e tudo o que deixei pra trás também...

    Beijos, Anna
    www.annadecassia.com

    ResponderExcluir
  10. é estranho como a gente tem essas crises com essa idade. vc tendo a crise dos 20 mas com 18 ja se achava velha. eu com 26 ja tendo a crise dos 3. o tempo passa rápido demais mesmo. é estranho, dá vontade de saber nosso futuro mas dá pena de ver o tempo voar e sentir que nao aproveitamos muito.

    ResponderExcluir
  11. Lindo texto!! Eu já ultrapassei os 20 à 6 anos e ainda assim me vendo em duvida e me pego pensando :)
    Brubs
    contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi Jeniffer, tudo bem??
    20 anos. Bons tempos. é estranho, por mais que não seja bom ficar lembrando de mais do passado, mas as vezes, como você disse é inevitável. Hoje eu estou nos 24. é estranho como a vida passa rápido. Mas ainda me sinto como no inicio da minha segunda década (que olhando em perspectiva, na verdade é a terceira).
    Belo texto flor.
    Ps: Foi seu aniversário? Se foi parabéns, muitas alegrias e realizações.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
  13. Adorei o texto, super me identifiquei! :))

    http://historiaimperfeita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie Jenniffer =)

    Tenho pensado muito em como foi essa década na cada dos 20 na minha vida. Tanta coisa mudou, e ao mesmo tempo as vezes tenho a sensação que nada mudou tanto assim.

    Me resta aproveita meus quase 2.9 e esperar que os 30 sejam realmente a idade das certezas e do sucesso que todos falam.

    Lindo texto! Parabéns =D

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  15. Adorei meus 20 anos. E só fico triste com uma coisa: como assim menos sonhos?
    Quando a gente é adolescente é tempo de imaginar, quando chegamos aos vinte, nós podemos sonhar. Sonhar tudo que queremos ser, tudo que queremos fazer, tudo que queremos arriscar. Deixa para parar de sonhar mais além, quando sair da faculdade e os sonhos são um pouco mais contidos porque existem os sonhos que já não podemos fazer.

    Felicidades!

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Lindas palavras, não tem como não se encantar e se identificar com esse texto.
    Já passei pelos 20 e foi uma idade bem legal, cheia de aprendizados.
    Que o seu seja maravilhoso ,

    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  17. Um mimo, adorei a leveza e o jogo de cena do texto, instigante, gostoso de ir lendo e meditando, principalmente para um tio q já passou dos 20 faz teeeempo, pra vc amiga beijinhos e beijinhossss...

    ResponderExcluir
  18. Oi Jeni, acho que nada traduz melhor esse momento de amadurecimento. É mudar e não mudar, sonhar mas com os pés no chão, é ser feliz por muito menos e precisar de muito mais para se abalar. Ótimo texto.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  19. O texto é excelente. Só não concordo muito com a parte dos sonhos. Acho que esses nunca devem ser diminuídos, não até que sejam realizados. O que muda são só as percepções de como a gente quer atingi-los e isso faz que nos tornamos mais realistas. Tirando isso, concordo em gênero, número e grau.

    Lucas - Carpe Liber
    http://livrosecontos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Nossa, você escreve muito bem. Percebi que os vinte significa mesmo uma nova fase. Acho que todos no fundo precisam disso, um ponto em que decidem recomeçar suas vidas e focar naquilo que verdadeiramente importa. Amadurecer faz parte disso.

    Foi muito bonito, mesmo.

    =)

    terradefagulhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Saudade dos 20!!!!!

    Nenhuma saudade da adolescência, mas dos 20.... ah.

    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/2014/02/sorteio-o-acumulador-de-trofeus.html

    ResponderExcluir
  22. Jenn sempre escrevendo lindamente!!!

    "Aos 20 tenho mais do que pensei ter, descobri o que realmente importa."
    realmente é isso que acontece, mas claro, não com todos...

    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
  23. Que texto lindo *-* ainda não tenho 20 anos, mas me identifiquei bastante com ele, a leitura é tão boa que fluiu do começo até o final, hje em dia não é sempre que se encontra um texto desses, parabéns!!

    ResponderExcluir
  24. Texto maravilhoso!
    Tenho quase 25 e super me sinto assim, é verdade tudo muda e os planos que a gente faz aos 15 para os 20 nada é real e não vai ser HAHAHAHAHA
    Sempre tinha aquela brincadeira do quadradinho e você colocava a idade no meio.. eu sempre colocava 21, eu sempre achei que aos 21 anos eu teria a melhor idade, seria A mulher poderosa e pans... e teria filhos

    Hoje tenho 24 e não tenho filhos.. graças a Deus MUHAUAHAUAHUA
    Talvez queira quando estiver tudo feliz e melhor.

    Ribs é linda demais.

    bjs e um ótimo feriado!
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  25. Que texto máximo! Adorei ele, um tema bem interessante.
    Beijos,
    Emi.
    www.thechatacherrie.wordpress.com
    Facebook

    ResponderExcluir
  26. Olá...
    Acho que estou tendo a minha crise dos 18 quase chegando aos 19. Se pararmos para refletir, um ano já nos basta para mudar muitas coisas e principalmente opiniões, já que somos seres em continuo processo de desenvolvimento. Nunca estaremos prontos, mas a cada ano podemos amadurecer e perceber qual o verdadeiro significado de nossa estadia aqui na terra.
    Ah , adorei sua visita ao meu blog, é sempre bom quando as pessoas retribuem o carinho..abraços!=)

    ResponderExcluir
  27. U.A.U! Esse texto + Lorde , e eu só posso dizer Uau . Estou perto dos vinte e as vezes me sinto assim , me olho no espelho e não consigo me ver com vinte , mas também não pareço com a menina de 15 anos , então não sei com que pareço e isso é estranho pra caramba , e reconfortante também!

    Amei o texto.

    Beijos , Anna

    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Ainda não cheguei aos 20, mas se aos 18 já consigo olhar para trás e perceber o quanto as coisas mudaram, imagino daqui 2 anos! É tão legal olhar para a Monique de agora e notar o que é resquício das Moniques anteriores e o que é novidade... Enfim, seja feliz, 20 anos passaram rápido, tem mais 20 vindo aí, e depois mais 20, mais 20...

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo