19 abril 2010

Parte da confusão que há em mim.



Música nova ao pé do ouvido, penso agora no que estou fazendo ainda aqui, sem uma história de amor verdadeira, ou sem uma aventura radical que vivi com meu grupo de amigos, ou sem uma lembrança boa de uma paixonite de criança com aquele vizinho lindo que tanto poderia ter gostado. Em minha cabeça só há responsabilidades para cumprir, deveres que preciso realizar, e desejos, ah desejos que almejo mais do que tudo tê-los! O que me faz pensar em tudo isso que não tive, é o vazio agora existente dentro de mim; o vazio que me agonia, que me faz ficar de mal-humor, que me faz pensar no que sou, se devo mudar, o que há de errado em mim, se há algo de errado em mim! Na verdade sei que sou nova, que não posso ser tão precipitada e ansiosa do jeito que estou; mas a vida faz-me questionar sobre tudo que vivi, sobre o que não vivi, e claro, sobre o que vou viver. O tal futuro incerto me dá medo, não vou mentir, não sou tão corajosa assim, e admito isso. As decisões e as perdas que vêm por aí, também me fazem refletir, como vai ser quando tudo isso acontecer...
Enfim, tudo que falei aqui só é uma parte de toda essa confusão que há em minha cabeça, não sei, sou muito confusa, instável, e sensível ás vezes até demais com os pequenos detalhes de minha vida, é uma coisa minha, uma característica própria, que precisava expressar e logo, se não me sentiria mal e não ficaria bem comigo mesma.
O fato é que acabo aprendendo com meus próprios textos, e o que posso concluir desse, é que pensar muito no que vai acontecer, ou no que não aconteceu não me leva á um lugar muito bom; o presente está aí para ser vivido e eu só enxergo o passado ou o futuro! Vou rever meus conceitos...

21 comentários:

  1. Sim! reveja seus conceitos! como você mesma disse, ainda é nova, tem muita coisa pela frente! e seja paciente, quando a gente menos espera vem a vida e muda tudo ^^
    A melhor coisa é se surpreender... então faça o que tem que fazer sem esperar o que pode acontecer ;)
    ficadica!

    beijinho ;*

    ResponderExcluir
  2. É preciso rever nossos conceitos, dar uma olhada em nosso passado para entender o que está se passando atualmente, mas não se pode se prender ao que foi e ao que não foi ontem, senão perdemos o hoje.

    Gostei do texto, querida!
    Beijo.
    Obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  3. É sempre bom 'perder' um tempo analisando a nós mesmos, não é fácil, mas vale muito no final.
    Você vai ver :)

    Beijos querida

    ResponderExcluir
  4. Bem, pelo menos eu posso dizer que vc não está sozinha nessa, eu tb sou muito confusa, e uma pessoa extremamente ansiosa! Ou seja, vivo me pegando, tipo, pensando no futuro ou nas consequencias do passado. Talvez seja a adolescência, sei lá. Muito obrigada mesmo pelas dicas super otimistas lah no blog, ok? as suas foram das melhores! rsrs bjão, te espero por lá!

    ResponderExcluir
  5. Calma, tudo tem seu devido tempo e está certa em refletir sobre as decisões que ainda estão por vir, mas não se esqueça que cada dia é apenas UM dia.

    Beijujubas

    ResponderExcluir
  6. Vou falar como a Bruna Bianconi falou aí em cima. É sempre bom perder um tempo para nós mesmos. Nos autoavaliar, ser mais críticos conosco mesmos. Devemos sim perder esse tempo e não há momento para perdê-lo!

    Beijo ;*

    ResponderExcluir
  7. Olha pata dentro de si é uma atitude que poucas pessoas estão tomando hoje em dia!

    Isso me faz te adimirar ainda mais!

    Eu gostei muito dessa imagem! ( :

    ;*

    ResponderExcluir
  8. Sim, reaver os nossos conceitos é sempre bom!
    Se preocupar com o amanhã, é muito importante, mas pensar no dia de hoje também é!
    adorei a tua atitude.

    beeijo

    ResponderExcluir
  9. Isso é normal. Todo mundo tem essas épocas de neuras. Acho que a explicação disso tudo, é o medo do ser humano de deixar o tempo passar, ou então partir dessa pra melhor, sem ter feito tudo aquilo que almejava.

    ResponderExcluir
  10. Oooi! Tô de blog novo,acredita? Depois de abandonar o outro e tudo... Vamos ver no que dá.
    Adorei seu texto, como sempre ^^

    ResponderExcluir
  11. É preciso saber viver cada parte da vida e relembrar... reviver não!

    ResponderExcluir
  12. Oh, bela que lindo texto, não preciso nem dizer que me identifiquei com cada paragrafo que escrveu. Realmente a nossa vida é uma confusão e tomar decisões nem sempre é facil, pelo o contrario.
    Que possas resolver todas essas confusões...

    ResponderExcluir
  13. Todos temos um pouco disso...
    A melhor coisa a se fazer é formar uma lista com as coisas que gostariamos de fazer e não fizemos por algum medo bobo ou por achar que não temos tempo sobrando e uma outra série de obstaculos que colocamos à nossa frente para, incoencientemente, sermos sabotados por nós msm....
    Escreva essa lista sem pensar no tempo que levará para fazer tudo nela.. apenas a escreva e vá comprindo na medida do possivel ok...

    To super feliz que tenha voltado XD

    ResponderExcluir
  14. Cada texto novo, um sentimento novo, ou uma nova maneira de ve-lo, amo seu blog, tbm me indentifico muito com suas palavras, e fico muito admirada pois tão nova e já escreve tão bem (:

    ResponderExcluir
  15. Me identifiquei com cada palavra que disse. Também já me questionei muito sobre as coisas vividas e principalmente não vividas. Mas acho que somos jovens ainda, e se não vivemos, vamos em frente para viver.
    Adorei seu blog, florzinha!
    Parabéns!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  16. Somos duas anciosas incorrigíveis então! Não sei, mas acho que isso é normal nessa fase de transformções e incertezas. Sonho com o dia em que eu serei mais estável emocionalmente, penso que isso só vem com os anos (ou talvez nunca venha!), mas enquanto isso tento relaxar e não me cobrar tanto. Não é fáacil, mas vale a pena policiar os pensamentos ruins e filtrar o queébom guardar e se preocupar. ;)

    ResponderExcluir
  17. você chegou a conclusão que eu ainda não tinha conseguido chegar. e me encontrei no texto, estava mesmo precisando me entender :x

    ResponderExcluir
  18. somos duas confusas então querida!
    Reveja seus conceitos sim, porque isso é muito bom.
    Seguindo aqui flor.
    Beijinhos :*

    ResponderExcluir
  19. dessas inquietações de um rosto angelical, me ocorreu uma canção dos mutantes, cantada por outro rosto angelical, por outras inquietações;

    "Hoje eu vou fugir de casa
    Vou levar a mala cheia de ilusão
    Vou deixar alguma coisa velha
    Esparramada toda pelo chão
    Vou correr num automóvel enorme e forte
    A sorte e a morte a esperar
    Vultos altos e baixos
    Que me assustavam só em olhar

    Pra onde eu vou, ah
    Pra onde eu vou, venha também"

    ResponderExcluir
  20. Incertezas da vida que carregamos para no fim amadurecermos.
    Acredite vai passar.
    Saudades daqui. Amei o lay novo
    Que bom que voltastes
    beijão.

    ResponderExcluir

Opine,reclame,exclame,comente.Mas uma dica: palavras sinceras são sempre bem-vindas.

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo