30 abril 2010

Novo Hobby (Parte 2)

Sou garota instável, seu tempo de me seduzir e me deslumbrar com seu jeito de ser já passou. Já não olho para você do mesmo jeito, tenho outras preocupações em minha mente; não me encha mais com suas atitudes idiotas, hoje não estou para brincadeiras infantis, sou jovem e saudável e por isso mesmo não vou desperdiçar meu tempo com besteiras.
Procurei e encontrei fácilmente novos hobbies, aqueles que vão me levar á algum lugar, que me fazem bem e me amadurecem com as responsabilidades exigidas. Olho para dentro de mim e vejo confusão, não posso negar isso, mas olho para minha razão e meus deveres; deveres esses que não só preciso mas necessito cumpri-los.

Obs: Oi galera, tá aí a continuação da historinha baseada em fatos reais,haha. O desfecho tá meio no ar não é?! Não sei, percebi que não escrevo muito sobre histórias ou causas reais da realidade que nós vivemos, tava pensando em escrever sobre isso, minha criatividade está toda concentrada em meus estudos, então não é nada certo ter uma continuação dessa história ou eu escrever alguma mensagem falando sobre alguma opinião minha em relação á problemas cotidianos. Bom fico por aqui, tô estudando e pretendo estudar mais ainda,rs',vestibular significa sacrifícios e mais sacrifícios, então até mais.

25 abril 2010

Novo hobby



"Não estou apaixonada por você..."

Nunca pensei em dizer isso á ninguém, nunca pensei em não estar apaixonada por alguém; sempre fui muito romântica, sensível e delicada demais para não estar apaixonada; mas não estava, essa era a verdade. Ele não tinha nada á ver comigo, e nem foi esse o motivo do meu 'não-gostar' dele, eu não estava preparada para outro romance cheio de problemas e discussões, já que ele sempre foi mulherengo e meio problemático com a vida e fazia questão que todos soubessem disso. Mas tinha um carinho enorme por ele, por ser tão meu amigo, mesmo depois da conversa estranha que tivemos, onde concordamos que o nosso relacionamento não passava de uma amizade.
Agora não sabia o que fazer, meu hobby predileto era estar apaixonada por alguém e gastar meu tempo me dedicando á isso; finalmente iria mudar de hobby, no começo pensei que seria algo estranho e confuso para mim não estar com um alguém, mas logo vi as vantagens. Pensei em mim mesma mais do que qualquer outra coisa, me dediquei mais ás coisas que sempre queria realizar, fiz coisas que não tinha feito antes, por falta de tempo ou por deixar de lado minhas vontades e seguir as vontades do meu coração; estava me encontrando em mim mesma, meio confuso dizer isso, mas é a frase perfeita para o que aconteceu.

P.S: Olá galera, escrevi essa narração meio que inspirada em alguns acontecimentos da minha vida, talvez tenha uma continuação,se vocês gostarem é claro! Não tenho muitas novidades, então vou ficando por aqui,esperando os comentários de vocês,haha
Xoxo...

19 abril 2010

Parte da confusão que há em mim.



Música nova ao pé do ouvido, penso agora no que estou fazendo ainda aqui, sem uma história de amor verdadeira, ou sem uma aventura radical que vivi com meu grupo de amigos, ou sem uma lembrança boa de uma paixonite de criança com aquele vizinho lindo que tanto poderia ter gostado. Em minha cabeça só há responsabilidades para cumprir, deveres que preciso realizar, e desejos, ah desejos que almejo mais do que tudo tê-los! O que me faz pensar em tudo isso que não tive, é o vazio agora existente dentro de mim; o vazio que me agonia, que me faz ficar de mal-humor, que me faz pensar no que sou, se devo mudar, o que há de errado em mim, se há algo de errado em mim! Na verdade sei que sou nova, que não posso ser tão precipitada e ansiosa do jeito que estou; mas a vida faz-me questionar sobre tudo que vivi, sobre o que não vivi, e claro, sobre o que vou viver. O tal futuro incerto me dá medo, não vou mentir, não sou tão corajosa assim, e admito isso. As decisões e as perdas que vêm por aí, também me fazem refletir, como vai ser quando tudo isso acontecer...
Enfim, tudo que falei aqui só é uma parte de toda essa confusão que há em minha cabeça, não sei, sou muito confusa, instável, e sensível ás vezes até demais com os pequenos detalhes de minha vida, é uma coisa minha, uma característica própria, que precisava expressar e logo, se não me sentiria mal e não ficaria bem comigo mesma.
O fato é que acabo aprendendo com meus próprios textos, e o que posso concluir desse, é que pensar muito no que vai acontecer, ou no que não aconteceu não me leva á um lugar muito bom; o presente está aí para ser vivido e eu só enxergo o passado ou o futuro! Vou rever meus conceitos...

15 abril 2010

O querer nem sempre é o certo


Queria poder saber o que as pessoas que gosto fazem quando não estou por perto; mas isso seria um grande erro, eu iria me magoar fácil, me decepcionar fácil e acabaria não confiando nem em mim mesma.
Queria poder escolher a pessoa certa para me apaixonar, mas isso também seria um erro; iria exigir muitas coisas das quais não tenho direito de exigir á ninguém; acabaria me entediando e querendo sempre escolher outra e outra pessoa.
Queria não me importar tanto com os outros, mas acabaria tendo um coração duro e frio.
Queria não me magoar com os outros, mas acabaria não amadurecendo e aprendendo com os erros.
No final, concluo que nem sempre o que quero seria certo eu ter, como dizem, Deus escreve por linhas tortas, ele sabe o que faz!

Obs: Galerinha linda do meu blog querido, estou de volta! *___* Fiquei tão feliz quando minha net voltou na segunda! Tô tentando me atualizar em todos os blogs que comentaram em meus posts passados, e nos blogs que sigo que tem novos posts, mas nem todos consigo entrar, então me perdoem aqueles em que eu não comentei!
Minha volta tá sendo ótimamente recebida pelos meus amigos blogueiros virtuais,rs. Não vou estar aqui sempre, pois como já falei, tenho vestibular final do ano, além das provas e trabalhos que tenho do colégio,rs' Mas sempre que puder estarei em seus blogs, e postando aqui... ;)

08 abril 2010

Apenas uma garota


Tanta coisa se passou...
Tantas pessoas que já vi,conheci e esqueci.
Ainda tento me descobrir em cada texto que escrevo,em cada música que ouço,ou até quem sabe, em cada roupa que compro.
À cada dia sobrevivo desafiando ás vezes meus limites.
Á cada pensamento e idéia nova,tento realizá-los da forma mais honesta e gentil que pode existir,é claro que que há os imprevistos, mais no final,consigo pelo menos realizar parte deles.
Á cada sentimento novo tento definir e separar o bom do mal; para não sofrer tanto com meu coração.
Á cada texto escrito,tento refletir sobre as palavras que consegui expressar para o papel; nem sempre todas as palavras escritas são verdadeiras,ás vezes elas são apenas momentâneas,e se prestarmos atenção podem nos enganar,como nossos sentimentos impulsivos.
No final de tantas tentativas, de tantos momentos vividos; acho que sou apenas mais uma garota se descobrindo como pessoa,tentando definir seu caráter,seu estilo e buscando um futuro que ela mesma se orgulhe.

Obs: Desculpa áqueles que ainda não respondi os comentários,juro que vou em cada blog que comentou aqui enquanto estou fora!
#morrendodesaudades

03 abril 2010

Conhecimento

Seja ele sobre o que você é
Seja ele sobre o que você quer
Seja sobre o que as pessoas ao seu redor são
Seja sobre o que os outros querem ou sentem em relação á você
Seja sobre Matemática, Geografia ou Português
Conhecimento vai ser sempre importante em minha vida.

Obs: Gente que saudades, nossa tô fazendo de um quase tudo pra não ficar tão longe daqui, mas não tá dando, tenho vestibulares pra concorrer no final do ano,e desde o começo já estou me esforçando pra conseguir passar,além das tarefas do colégio, e a preguiça de ir até uma lan house me conectar... rs' Não sei até quando isso vai continuar, mas saibam que não vou desistir do blog,nem de vocês, ainda vão me ver muito por aqui.

Xoxo...
Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger| Personalizado por: Jeniffer Yara | Imagens do Header: Pinterest | Ícones de gadgets/categorias: Freepik | Uso pessoal • voltar ao topo